Español | English


Colabora:

Miembro:
ÁFRICA LLEGA A LA SALA GUIRIGAI

UMPUNHADO DE TERRA, de Pedro Eiras

Monólogo, +16 años

Pântano. Em todo o palco, vinte centímetros de terra barrenta. Vem, do horizonte à boca de cena, um homem negro. Os pés mergulham na lama. O homem coxeia da perna direita. O homem vem, devagar. Chega à boca de cena. E diz: Toma o meu corpo senhor do fogo! Vem e devasta esta terra estrangeira!
Este homem negro é um escravo trazido à força de África para uma terra de que nunca ouvira falar – Portugal.

Alguns caminhos da encenação: A procura de um espaço não convencional para a apresentação do espectáculo; Um palco quase vazio, em que as luzes e as sombras se conjugam como elemento cénico decisivo. Talvez terra, talvez barro, ou, a tradução teatral desses elementos. Um trabalho centrado na voz, no corpo e no movimento do actor.

José Leitão (encenador)

https://www.youtube.com/watch?v=fiousvDK3dA